Nossos sócios conversaram com o Valor Econômico sobre decisões judicial de suspender ou flexibilizar contratos entre distribuidoras de energia e grandes consumidores

01 abr.2021

Nossos sócios Helvécio Franco Maia Júnior e Vitor Sarmento de Mello conversaram com o jornal Valor Econômico sobre decisões da Justiça de suspender ou flexibilizar contratos entre distribuidoras de energia e grandes consumidores. Em muitos casos, a Justiça define que esses consumidores paguem apenas pelo que efetivamente consumiram, e não pelo valor contratado.

 

Na reportagem, nossos sócios destacaram que a pandemia afeta a todos, inclusive as distribuidoras de energia, e que o valor pago pela demanda contratada é importante para cobrir investimentos que já foram feitos na rede de distribuição e que o mesmo não se confunde com o valor da energia efetivamente consumida pelos consumidores do grupo A.

 

A reportagem completa está disponível em: https://valor.globo.com/legislacao/noticia/2021/03/30/justica-suspende-contratos-e-reduz-contas-de-energia-de-empresas.ghtml

Advogado Relacionado: Helvécio Franco Maia Júnior / Vitor Sarmento de Mello